2ª edição do Conversando Sobre Adoção acontece na Unisul

O dia Nacional da Adoção é comemorado no dia 25 de maio. No Brasil são mais de 9,5 mil crianças e adolescentes que esperam por famílias que os acolham, segundo dados do Cadastro Nacional de Adoção (CNA). Pensando nisso, o curso de Direito da Unisul organiza a 2ª edição do “Conversando Sobre Adoção” em alusão a data. O evento será realizado nesta quarta-feira (22), às 19h30min, no Salão Nobre da Unisul em Tubarão.

A Roda de Conversa conta com a participação da Universidade, do Poder Judiciário, do Grupo de Estudos e Apoio à Adoção Filhos Para Sempre e da Comissão da Infância e Juventude e do Idoso da OAB, todas instituições da cidade azul. “O objetivo é aproximar a comunidade do tema adoção e, principalmente, levar para o meio acadêmico esse tema. Pois, desejamos que ele passe a ser também um objeto de pesquisa”, destaca a presidente do grupo Filhos Para Sempre, Noeli Toledo.

Adoção

A região Sul do Brasil é a segunda maior no número de crianças e adolescentes na fila de espera para a adoção. São quase 3 mil, o que representam mais de 30% do total geral do país. Os dados ressaltam ainda mais a importância de se debater sobre o tema, pois, principalmente, de acordo com Noeli, um dos maiores desafios da adoção é falta de informação para as pessoas. “Há também uma deficiência muito grande por parte do Poder Judiciário na área técnica. Isso acaba gerando uma demora muito grande no processo de habilitação e nos tramites posteriores”, esclarece.

A representante do grupo Filhos Para Sempre destaca também que a adoção é para sempre. “O legal é que é só um jeito diferente de ser pai ou ser mãe”, complementa. O grupo trabalha como apoio para pessoas que já adotaram, as que estão em processo de adoção e também para os filhos adotivos. “O objetivo é debater esse tema com a comunidade, procurando desmistificar a adoção”, finaliza Noeli.

Programação do evento

19h30min – Composição da Mesa

Maurício Zanotelli, professor e coordenador do curso de Direito e representante da Unisul

Miriam Regina Garcia Cavalcanti, juíza da Vara da família, órfãos, infância e juventude da Comarca de Tubarão

Francielly Bitencourt, advogada e vice-Presidente da Comissão da Infância, Juventude e Idosos

Apresentação artística: Pai e filha por Adoção

Nereu Botega Filho e Gabrielly Araujo do Nascimento Botega

19h45min – A contribuição dos Grupos de Estudos e Apoio a Adoção nas atitudes adotivas na Sociedade com Noeli Toledo, presidente do Grupo de Estudos e Apoio à Adoção Filhos para Sempre de Tubarão

20h – As mudanças no Estatuto da Criança e do Adolescente e suas aplicações no Processo de Adoção comRoberta Magioli Meirelles, promotora da Infância e Juventude da Comarca de Tubarão

20h30min – Os impactos da violência doméstica no desenvolvimento de crianças e adolescentes com Ricardo Luiz de Bom Maria, psicólogo forense da Comarca de Florianópolis

21h – Espaço para perguntas e respostas

O evento já se encontra com vagas fechadas para a inscrição online. Mais informações podem ser obtidas através do telefone (48) 3621-3359.

COMPARTILHAR