Aluno de Civil apresenta soluções na área de gestão da construção civil em TCC

Considerando a atual situação da indústria da construção civil, que necessita por planejamento e controle adequado, dentro de uma cultura onde é, praticamente inexistente em se tratando de micro, pequena e média empresa, bem como a necessidade de instrumentos de gerenciamento que forneçam informações sobre a empresa e seus projetos, proporcionando ao mesmo tempo agilidade e qualidade em seus processos e produtos entregues, o aluno Higor Serafim Ricardo, do Curso de Engenharia Civil, campus Tubarão, realizou seu Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), na área de gestão da construção civil.

Neste semestre de 2018/1, os alunos do curso de Engenharia Civil realizaram 25 pesquisas em diversas áreas da Engenharia Civil. Segundo a coordenadora do curso, professora Lucimara Aparecida Schambeck Andrade, essas pesquisas têm como objetivo apresentar propostas de produção científica numa perspectiva de solução das demandas da comunidade e que impulsione o desenvolvimento da região com sustentabilidade, onde esses trabalhos de conclusão de curso possam ser adequados para as questões da realidade local, respeitando as especificidades de cada trabalho e a liberdade de escolha das temáticas de pesquisa pelos estudantes e professores orientadores. “Nesses trabalhos os alunos fazem a relação da teoria ensinada em sala de aula com a prática, buscando soluções para situações reais”.

No trabalho realizado pelo estudante Higor o objetivo foi propor um sistema de indicadores de desempenho em painel de controle, para auxiliar na gestão de empresa de construção civil. Segundo Higor, a pesquisa foi realizada por meio de um estudo de caso, em uma empresa de construção civil, de médio porte, do sul de Santa Catarina. “Para a coleta de dados, utilizei de observações, coleta documental e entrevistas. A definição do conjunto de indicadores foi elaborada com base na revisão da literatura e nas características, necessidades e dados disponíveis na empresa em estudo”.

Conheça os principais resultados da pesquisa

(a) definição de um conjunto de indicadores nas perspectivas financeira e econômica, produção, recursos humanos e qualidade, alinhados com as estratégias da empresa;

(b) desenvolvimento dos painéis de controle para o nível estratégico e tático (setor financeiro, recursos humanos e engenharia) da empresa;

(c) avaliação do desempenho da empresa e seus projetos, por meio da comparação dos períodos de 2015, 2016 e 2017, dos resultados dos indicadores;

(d) avaliação dos pontos fortes e fracos da empresa e seus projetos, e sugestões de melhorias para as vulnerabilidades.

Para a orientadora, professora Dalci Mendes Almeida, o sistema proposto por este trabalho portou algumas particularidades que o diferencia dos sistemas de indicadores já desenvolvidos e apresentados em pesquisas anteriores. “Partindo da utilização de softwares populares e de baixo custo, para tratamento dos dados, obtenção e exibição dos indicadores, a pesquisa abordou um instrumento pouco explorado em outros sistemas e estudos, o desenvolvimento de um painel de controle, utilizado como instrumento de exibição dos indicadores”.

A professora Dalci disse ainda que o projeto e a implantação bem elaborada de um painel de controle, permite que gerentes controlem suas empresas de forma eficaz, com informações úteis disponíveis de forma instantânea e de rápido entendimento, possibilita ao gestor que causas e efeitos de problemas sejam descobertos rapidamente para uma eficaz intervenção. “Concluiu-se, diante de dezesseis indicadores utilizados, que a empresa possuía apenas como vulnerabilidades, sua velocidade de vendas, desvio de custo de obra e rotatividade de pessoal”.

Higor explicou que as seguintes sugestões foram apresentadas: a criação de um setor de vendas, uma boa estrutura e equipe de pós-venda, avaliar o processo de elaboração dos orçamentos, realizar orçamentos iniciais mais precisos, utilizar ferramentas de controle dos custos, identificar as principais causas de uma alta rotatividade, adotando controles de entrevistas de desligamentos, a criação de um processo de recrutamento, entre outras, completa o aluno.

O curso de Engenharia Civil da Unisul, consubstanciado nos princípios da Lei de Diretrizes de Bases da Educação Nacional e nos objetivos do ensino superior, tem como propósito geral formar profissionais conscientes de seu papel na sociedade e aptos a atuarem nas diversas áreas que formam o campo da Engenharia Civil, tanto no gerenciamento de obras quanto em projetos e pesquisas. O processo seletivo de ingresso se dá a partir da aprovação no vestibular ACAFE.

COMPARTILHAR