Até onde uma certeza pode levar à profissão dos sonhos?

Toda criança tem uma brincadeira preferida durante a infância. Aquela que brinca o dia todo sem cansar-se e independentemente de estar sozinha ou com amigos. Seja o que for, pode ser jogar bola, desenhar, cantar, não importa. No interior, sabe que pode fazer aquilo pelo resto da vida. Mas, e se, continuar a fazer isso com o passar dos anos, assim se tornar algo mais sério e se tornar a sua profissão?

E foi isso o que aconteceu com Priscilla Cardoso, graduada em Naturologia pela Unisul. “Desde pequena gostava de brincar de fazer chá e comidinhas com as plantas. Minha matéria preferida no ensino fundamental e médio era biologia. Sempre buscava a natureza para brincar e passear. Quando descobri que existia o curso de Naturologia fiquei muito feliz e tinha certeza que era o que eu queria ser, Naturóloga”. O relato de Priscila mostra que não importa o tempo, quando se apaixona por algo é inevitável fugir daquilo, as decisões levam a esse caminho.

Priscilla entrou na Universidade há 15 anos e se lembra com carinho das vivências. “Tudo o que aprendemos vivenciamos. A naturologia é transformadora, todas as terapias e disciplinas nos permite cuidar não só do outro, mas da gente! O que mais gostava era essa forma de aprendizado, as terapias vivenciadas”, conta.

E essa vivência a segue mesmo após formar-se. Atualmente trabalha no SUS, aplica as técnicas que aprendeu como a fitoterapia, o lian gong e a medicina chinesa na busca de aliar o bom atendimento com a inovação para melhorar a qualidade de vida.

A Naturóloga ganhou prêmios e provam o quanto consegue ser bem-sucedida. “Ganhei o INOVASUS em 2015, um projeto farmácia natural, que consistia em ter hortas de plantas medicinais em todas as unidades básica de saúde no município de Balneário Piçarras”, diz Priscilla.

Além de atuar do SUS, Priscilla realiza atendimentos particulares atende particular, é facilitadora de cursos e docente de algumas disciplinas de pós-graduação em Terapias Integrativas e Complementares. “Ainda pretendo continuar os estudos com o mestrado e doutorado. Porque na graduação aprendemos muito de várias terapias e continuando com os estudos podemos nos aproximar mais das áreas de interesse”, reflete.

A história da Naturóloga serve de exemplo a todos que sonham em fazer algo desde de criança e que por algum motivo acha que não pode dar certo ou não terá futuro. Não se deve é desistir. “Há 15 anos quando decidi fazer Naturologia, não se falavam em PICs (Práticas Integrativas e Complementares) mas nunca tive dúvidas ou incerteza em relação a minha escolha profissional, sou naturóloga especialista em Acupuntura com muito amor. Aquela profissão do futuro, como todos diziam, hoje se torna presente. Ser Naturóloga para mim é mais que uma profissão é minha vida”, comemora Priscilla.