Professora e egressa do PPGE publicam capítulo em livro de abrangência internacional

A professora doutora Josélia Euzébio da Rosa e a egressa do Mestrado em Educação (PPGE), Cristina Felipe, participam na autoria de um capítulo publicado no livro ‘Fundamentos psicológicos e didáticos do Ensino Desenvolvimental’. A obra, organizada pelo Grupo de Estudos e Pesquisas em Didática Desenvolvimental e Profissionalização Docente – UFU (GEPEDI), liderado pelos professores doutores Andréa Maturano Longarezi e Roberto Valdés Puentes, conta com a participação de pesquisadores oriundos de quatro países (Brasil, Cuba, México e Rússia). O livro compõe a Série Ensino Desenvolvimental, da Coleção Biblioteca Psicopedagógica e Didática, e está disponível pelo site neste link: clique aqui!

De acordo com Andréa Maturano Longarezi e Roberto Valdés Puentes, “com enfoque mais diretamente vinculado ao campo psicológico, a primeira parte do livro, intitulada “Ensino, aprendizagem e desenvolvimento na perspectiva da psicologia histórico-cultural”, agrupa um total de sete trabalhos que tratam das seguintes problemáticas: a relação entre “enseñanza” e desenvolvimento; os indicadores do desenvolvimento intelectual; os elementos que marcam a periodização do desenvolvimento psíquico; as características da atividade do homem; as contribuições de Vigotski para a psicologia do desenvolvimento; a zona de desenvolvimento próximo e do amadurecimento das funções psíquicas; bem como das diferentes formas de aprendizagem”, destacam eles. Os organizadores salientam ainda que, “focada nos aspectos didáticos, a segunda parte, organizada sob o título “Ensino, aprendizagem e desenvolvimento na perspectiva da didática histórico-cultural”, agrega estudos que abordam o campo conceitual da didática desenvolvimental; o sistema didático zankoviano; as estratégias de aprendizagem numa perspectiva desenvolvedora; o ensino pela atividade na unidade significado social-sentido pessoal; a organização didática da aprendizagem numa perspectiva galperiana; as contribuições de L. S. Vigotski, L. V. Zankov e V. V. Davidov para o experimento didático-formativo; bem como a didática da matemática enfocadas tanto a partir dos princípios da teoria de Davidov, quanto das contribuições de Galperin”, reforçam eles.

Capítulos do livro ‘Fundamentos psicológicos e didáticos do Ensino Desenvolvimental’:

Parte I – Fundamentos psicológicos do ensino desenvolvimental

  • La relación enseñanza-desarrollo psíquico en el enfoque histórico cultural, de autoria de Laura Domínguez García (Cuba).
  • Aspectos e indicadores do desenvolvimento intelectual, de autoria de Francisco Curbelo Bermúdez (Cuba).
  • Determinantes y periodización del desarrollo psíquico en el enfoque histórico cultural, de autoria de Laura Domínguez García (Cuba).
  • Caracterização geral da atividade da pessoa, de autoria de Lev B. Itelson (Rússia).
  • Aportaciones de L. S. Vigotsky y su enfoque histórico-cultural a la psicología del desarrollo, de autoria de Yulia Solovieva (México) e Luis Quintanar Rojas (México).
  • Zona de desenvolvimento próximo e o amadurecimento das funções psíquicas, de autoria de Ruben de Oliveira Nascimento (Brasil).
  • El estudio de los estilos de aprendizaje desde una perspectiva vygotskiana: una aproximación conceptual, de autoria de Gloria Fariñas León (Cuba) e Juan Silvio Cabrera Albert (Cuba).

Parte II – Fundamentos didáticos do ensino desenvolvimental

  • A didática desenvolvimental: seu campo conceitual na tradição da psicologia histórico-cultural da atividade, de autoria de Roberto Valdés Puentes (Brasil)
    Andréa Maturano Longarezi (Brasil).
  • Transição na educação russa: o sistema zankoviano no atual ensino fundamental, de autoria de Liudmila Grigorievna Guseva (Rússia).
  • El desarrollo de estrategias de aprendizaje desde los presupuestos de una didáctica desarrolladora, de autoria de Silvia Olmedo Cruz (México) e José Zilberstein Toruncha (México).
  • Atividade pedagógica na unidade significado social-sentido pessoal, de autoria de Andréa Maturano Longarezi (Brasil) e Patrícia Lopes Jorge Franco (Brasil).
  • A organização didática da aprendizagem que desenvolve: reflexões com base nas contribuições da teoria de assimilação de P. Ya. Galperin de autoria de Isauro Beltrán Núñez (Cuba-Brasil).
  • O experimento didático-formativo: contribuições de L. S. Vigotski, L. V. Zankov e V. V. Davidov, de autoria de Orlando Fernández Aquino (Cuba-Brasil).
  • Princípios didáticos da teoria de Davýdov: uma reflexão sobre sua proposição para a interpretação de problemas matemáticos de autoria de Josélia Euzébio da Rosa (Brasil), Ademir Damazio (Brasil) e Cristina Felipe Matos (Brasil).
  • A Atividade de Situações-problema em Matemática, de autoria de Héctor José García Mendoza (Cuba-Brasil) e Oscar Tintorer Delgado (Cuba-Brasil).
COMPARTILHAR