Discalculia: a dificuldade em compreender a matemática

A matemática geralmente é uma das disciplinas mais temida pelos estudantes. Porém, quando a dificuldade é mais grave, causando a inabilidade de desenvolver cálculos e entender enunciados matemáticos, ela passa a ser chamada de discalculia. O assunto foi tema do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) da estudante de Matemática, Cristiane dos Passos Oliveira. O trabalho foi orientado pelo Prof. Msc. Dalmo Gomes de Carvalho.

Segundo a pesquisa da estudante, a discalculia trata-se de um transtorno de aprendizagem, causado pela má formação neurológica que se manifesta como uma dificuldade da criança em realizar operações matemáticas. Além disso, a criança não consegue classificar números e colocá-los em sequência. Estas características estão presentes desde o início da vida escolar, não sendo adquirida ao longo da escolarização e traumatismo ou doença cerebral.

Como as dificuldades de aprendizagem não têm como causa apenas um fator, é importante que a escola ofereça aos responsáveis e ao aluno o apoio e orientação necessários. Intervenções de ordem pedagógica e psicopedagógico podem ser necessárias para auxiliar esta criança.

De acordo com Cristiane, pais, professores, psicopedagogos e toda equipe devem desenvolver um trabalho conjunto, estando preparados para intervir adequadamente atendendo às necessidades do discalcúlico. “Deve ser empenho de todos proporcionar estratégias de ensino que favoreçam as aquisições que devem ser feitas por esses alunos”, relata a acadêmica.

Clique no link abaixo e veja o cronograma completo das apresentações de TCC do Curso de Matemática.

Cronograma TCC Matemática

COMPARTILHAR