Educação financeira: um problema nacional

Falar de dinheiro pode ser considerado, para muitas pessoas, um bicho de sete cabeças. Quando o assunto são os gastos pessoais e domésticos, a situação é ainda pior. Segundo dados da Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor, divulgada em março deste ano, o percentual de famílias com dívidas no país atingiu 61,5%. O número é um reflexo da dificuldade que muitos brasileiros têm com a parte de educação financeira.

Segundo a assessora de investimentos e especialista no tema, Maria Terezinha Milanez, essa dificuldade tem a ver com o perfil cultural da própria população. “Atualmente menos de 4% da população preocupa-se com sua aposentadoria. A prática de ter um planejamento financeiro norteando suas decisões não faz parte de uma educação recebida, nem na família e muito menos no banco escolar”, esclarece.

Uma forma de tentar reverter esses índices, segundo a especialista, é identificar o fluxo de caixa pessoal. “O primeiro passo para iniciar um exercício de planejamento financeiro é identificar o fluxo de caixa pessoal. Se o mesmo é deficitário, tomar atitudes que venham resolver esse desencaixe. O caminho pode ser ganhar mais ou gastar menos. Se o fluxo for positivo, traçar objetivos de médio e longo prazo e escolher qual o caminho para alcançá-lo”, reforça. 

Semana Nacional de Educação Financeira

Para tentar mudar esse cenário, acontece em diversas cidades do país a Semana Nacional de Educação Financeira. Em 2018 o evento, que está na sexta edição, alcançou mais de 4 milhões de pessoas e 280 instituições. Neste ano, acontece na Unisul, no dia 23 de maio, às 19h15min, no Auditório do Bloco Pedagógico (D), uma palestra com a especialista Maria Terezinha Milanez. O evento é gratuito. A iniciativa é dos cursos de Administração, Marketing e Processos Gerenciais da Unisul de Tubarão, bem como da Empresa Modelo da universidade e do Projeto de Extensão sobre Educação Financeira.

Oportunidade de assessoramento

Como parte da Semana Nacional de Educação Financeira, a Empresa Modelo do curso de Administração, coordenada pelo professor Claudio Alvim Zanini Pinter, estará disponibilizando gratuitamente cinco vagas para micro e pequenos empresários. Os atendimentos serão individuais, no dia 23 de maio, no período vespertino (13h às 17h).

Os interessados podem encaminhar um e-mail para empresamodelo@unisul.br, informando o nome do empresário, instituição e telefone de contato para receber a confirmação e horário do agendamento.