Mais de mil crianças participam de ações do McDia Feliz

Durante quatro dias o Diretório Central dos Estudantes (DCE) da Unisul, em parceria com empresários e entidades da região, realizou ações alusivas ao McDia Feliz. Crianças de Braço do Norte, Tubarão, Içara e Araranguá puderam comer um sanduíche Big Mac e ter um dia diferente com brincadeiras. “É emocionante participar deste projeto e contar com o apoio de tanta gente. Esta é a quinta vez que realizamos este evento e é sempre muito gratificante”, comenta Luzimary Della Giustina, presidente do DCE.

Tubarão

Em Tubarão cerca de 700 lanches foram entregues para as crianças de escolas municipais. Durante a manhã e a tarde os estudantes participaram de brincadeiras, assistiram a apresentações e puderam apreciar um sanduíche Big Mac. Para muitas, aquela era a primeira vez que experimentavam o lanche. Uma das crianças afirmou que aquele era o melhor dia da vida dela.

O reitor da Unisul, Mauri Heerdt, comentou a importância do McDia Feliz para a região. “Além de ajudarmos as crianças que são atendidas pelo Hospital Infantil Joana de Gusmão, podemos realizar estas ações aqui, com as nossas crianças, e proporcionar um dia inesquecível para elas”.

Braço do Norte

Em Braço do Norte a ação contou com a parceria da Weber Empreendimentos, que comprou 150 tickets da campanha e doou para o DCE. Segundo a diretora da Weber, Renata Weber, este foi um momento muito importante. “Quando ouvimos sobre os relatos do McDia era impossível ficarmos de fora. É um momento especial para as crianças e muito gratificante para nós que promovemos”, afirma.

Esta ação do DCE já acontece há cinco anos, mas é a primeira vez que ocorre em Braço do Norte. Para Gisela Daufenbach Fellipe, coordenadora da Unisul Unidade de Braço do Norte, esta ação é muito maior do que apenas a entrega dos lanches. “É uma oportunidade de fazer os outros sorrirem”.

Içara e Araranguá

Outros 300 tickets foram doados ao DCE por entidades e parceiros em Içara e Araranguá. Nas duas cidades, as crianças também puderam participar de um dia de brincadeiras e diversão. “Muitas crianças nunca pularam em uma cama-elástica, outras não tem condições de comprar um lanche deste. Esse é um dia que vai ficar marcado na vida destas crianças”, finaliza Luzimary.

COMPARTILHAR