Páscoa é o momento de celebrar a liberdade e a vida

A Páscoa comemorada pelos povos cristãos celebra o renascimento, o amor e a vida. Nossa equipe de reportagem conversou com o professor Jaci Rocha Gonçalves, que nos leva a uma breve reflexão sobre a importância dessa data.

Historicamente a Páscoa originou-se quando os descendentes de Abraão foram escravos do Egito por quase 350 anos e essa história é marcada por dificuldades e lutas pela liberdade segundo Jaci. “A palavra páscoa origina-se do hebraico ‘peshar’, referência aos ‘filhos’ de Abraão, uma passagem que não é marcada apenas pela saída do Egito, mas também, por todas as dificuldades no deserto. Anos depois, o cristianismo passou a celebrá-la a partir da escolha de Jesus, que rompeu com todas as tristezas e decepções da humanidade, sendo a maior delas além do egoísmo e do sofrimento, a morte”, fala.

Para o Professor, o principal sentido da Páscoa é a passagem da escravidão à liberdade ao lembrarmos do percurso feito por  Cristo onde o amor venceu o egoísmo. “Jesus entregou tudo, inclusive o próprio Espírito Santo, que era a morosidade maior dentro Dele e que fosse oferecido à sociedade”, diz.

Em tempos de consumismo, é perceptível a ruptura de valores da sociedade, definida pelo Professor  como a fuga para o egoísmo e a zona conforto pessoal. “O egoísmo que nos convida para uma vida de conforto, nos põe em uma posição de valorizar o status, a aparência para uma aceitação do outro e o amor está nessa contramão. O amor que aprendemos na Páscoa é o amor que brota na sexta-feira santa quando Jesus foi crucificado por esse motivo”.

Para finalizar, professor Jaci, fala que independente da ideologia, as pessoas devem assumir o projeto de aceitar a sua evolução quanto indivíduo. “Estamos aqui para servir e não para sermos servidos. Temos que pegar no colo o nosso ‘ethos’ verdadeiro. Coragem que não vem de fora, mas irradia de dentro de nós para aqueles com quem nos relacionamos diariamente em casa, no trabalho, na escola, onde quer que estejamos. Isso é feliz páscoa. É dar a passagem para o cuidado com a vida dos humanos a nossa volta e da natureza. O planeta está em uma constante sexta-feira santa, suplicando pelo domingo de páscoa”, reflete.

 

COMPARTILHAR