Projeto de Equoterapia atende em novo local

O projeto de equoterapia da Unisul firmou uma parceria com a Escola de Equitação Movimento Equestre, filiada à Federação de Hipismo e representante legal de São José em eventos oficiais. O projeto de equoterapia, que existe desde 2001, e é coordenado pelo professor Júlio César de Oliveira Araújo, vem apostando em seu crescimento todos esses anos. De acordo com o professor a mudança de local irá favorecer tanto os acadêmicos como os praticantes, pois o novo endereço é excelente e dispõe de ótimos cavalos, em um ambiente adequado onde todos poderão ter plenas condições de desenvolver a equoterapia nos quatro tipos de programas: hipnoterapia, Educação/Reeducação, Pré-esportivo e Esportivo.

Equoterapia na Unisul

A Unisul foi a primeira Universidade de Santa Catarina a desenvolver o ensino e prática da equoterapia no meio acadêmico. As atividades tiveram início no Campus Tubarão no Haras Lima em julho de 2001, como estágio obrigatório do curso de fisioterapia. Em agosto de 2007, a atividade passou a ser desenvolvida também na Unidade Pedra Branca, inicialmente no CTG Vaqueanos do Litoral na Palhoça, no ano de 2009 o estágio foi realizado no Centro de Equoterapia Três Riachos, de propriedade de egressos da Unisul no município de Biguaçu. De 2010 até junho de 2019 a sede foi o CTG Os Praianos de São José, nesse período o projeto foi parceiro do PET Saúde, até tornar-se um Unidade de Aprendizagem do Curso de Fisioterapia dos Campi Pedra Branca e Tubarão.

Escola de Equitação Movimento Equestre

A escola é de propriedade do educador físico Sandro César Cardoso, pai da acadêmica de fisioterapia da Unisul Cassiana Lucila de Almeida Cardoso, situada na Rua Vidal Vicente de Andrade, 676, São José. “Contribuir para uma terapia que tem o cavalo em sua abordagem, onde milha filha futuramente pode atuar como profissional, é uma oportunidade única, em hipótese alguma a Escola Movimento Equestre deixaria de abrir suas portas a equoterapia da Unisul”, disse Cardoso.  

Atendimento à comunidade

O projeto tem capacidade para atender oito crianças portadoras ou não de necessidades especiais, com indicação médica para a prática da equoterapia, os encontros serão às terças-feiras no período da tarde. Os interessados devem procurar a Clínica Escola de Fisioterapia da Unisul, pelo telefone 48 32791126, para realizar o cadastramento na lista de espera. O início está previsto para o mês de setembro. Todo atendimento é realizado de forma gratuita.

COMPARTILHAR