Projeto realiza atividades no Abrigo dos Velhinhos

Por professora Fátima Elizabeti Marcomin

O projeto extensão “Amar além do Coração: uma perspectiva de Educação Ambiental com idosos do Abrigo dos Velhinhos de Tubarão” é desenvolvido por uma equipe de voluntárias formada pela Profa. Dra. Fátima Elizabeti Marcomin, do grupo de pesquisa Análise e Planejamento Ambiental da Paisagem e Educação Ambiental (AnPAP-EA) e professora do Programa de Pós-Graduação em Educação e do Curso de Ciências Biológicas da Unisul, pela Profa. Ma. Márcia Rodrigues e pela técnica e empresária Maria Zélia Corrêa da Silva. Em andamento desde março de 2019, teve suas atividades deste ano encerradas em dezembro com uma confraternização junto aos idosos.

O projeto visa, a partir da perspectiva da amorosidade, junto aos idosos do Abrigo dos Velhinhos, contribuir com uma melhor qualidade de vida para essas pessoas e inseri-las no contexto das relações com o ambiente, despertando-as para uma cultura de gratidão pela vida e baseada no amor. Desde abril, o grupo desenvolve diferentes ações de Educação Ambiental junto aos idosos.

A partir do projeto de intervenção, realizado em 2018 por uma equipe de estudantes (Aline, Flávia, Douglas) que frequentavam a Unidade de Aprendizagem Meio Ambiente e Educação do curso de Ciências Biológicas, ministrada pela professora Fátima, é que o grupo de pesquisa AnPAP-EA começou a estreitar as relações com a equipe do Abrigo de Velhinhos. 

No presente ano, com vistas a permanecer com atividades no Abrigo, as professoras e a técnica/empresária elaboraram o projeto de extensão mencionado. Neste ano, além da atuação da equipe, em alguns encontros também houve a participação da mestranda em Educação Lidiane Gil Becker. Na Unidade de Aprendizagem Meio Ambiente e Educação de 2019, outro grupo de alunos das Ciências Biológicas, integrado pelos acadêmicos Amanda, Cristina, Eloisa, Emanuela e Gabriel, também atuou no Abrigo executando rodas de conversa, atividade de pintura sobre elementos da natureza e confraternizando com os idosos.

O projeto “Amar além do coração” conta com o apoio da presidente do Abrigo, Schirlei Teresinha da Rosa Mendonça, da assistente social Gislane Rosa de Medeiros Pacheco e da auxiliar administrativo Mirtes de Campos, bem como dos demais funcionários da instituição.

De acordo com a professora Fátima, “a cada encontro, novos desafios são apresentados, exigindo maior envolvimento e dedicação da equipe. Mas, ao mesmo tempo, somos agraciados pelas palavras carinhosas e agradecidas dessas pessoas. Vê-los pintando, desenhando, brincando de varetas, contando suas memórias, participando da terapia dos sabores, ouvir suas expressões e impressões é um grande presente aos membros da equipe. Qualquer pequena conquista alcançada a cada encontro gera alegria e motivação”. Os membros da equipe atuam de forma voluntária e vem percebendo a necessidade premente de manutenção e ampliação do projeto em face das manifestações dos idosos.

As responsáveis pelo projeto destacam que “somos eternos aprendizes junto a essas pessoas. Isso gera uma paz que não tem preço. Mas se quisermos um mundo melhor, necessitamos nos despir da arrogância, da prepotência e mergulhar na vida das pessoas, buscando aproximá-las do ambiente, da vida umas das outras e exercitar a tolerância, o respeito, a solidariedade e o amor”.

COMPARTILHAR