Realizado o primeiro encontro do Fórum da Educação Infantil da Região Sul

Recentemente, mais de 100 pessoas estiveram reunidas no Salão Nobre da Unisul de Tubarão para o Seminário: ‘Embates e Debates sobre implementação do Programa Nacional de Alfabetização na Idade Certa (PNAIC) e Base Nacional Comum Curricular (BNCC) para Educação Infantil’, sob organização do Fórum da Educação Infantil da Região Sul e Programa de Pós-Graduação em Educação da Unisul. Destaca-se a presença de diretores, coordenadores pedagógicos e professores da Rede Municipal de Tubarão e de outros municípios da Região Sul e Grande Florianópolis como Capivari de Baixo, Sangão, Treze de Maio, Imaruí, Jaguaruna, Sombrio, Passos de Torres, Imbituba, Laguna, Palhoça, São José, Tijucas, Anitápolis e ainda professores e alunos do Mestrado em Educação da Unisul e Colégio Dehon, representante do Conselho Tutelar, do Conselho Municipal de Educação, da Aproet e do Lar da Menina de Tubarão.

Para o debate, neste primeiro encontro, foram convidadas a professora doutora Letícia Carneiro Aguiar (PPGE-Unisul) com uma análise da Educação Brasileira na Atual Conjuntura Nacional e a doutora Roseli Nazário (IFC-Camboriú e Blumenau) com uma análise sobre os Dissensos do PNAIC para a Educação Infantil a partir da análise da portaria MEC n. 826/2017.

De acordo com a professora doutora Márcia Buss Simão (PPGE-Unisul), “a educação infantil teve ao longo das últimas décadas conquistas importantes, dentre elas o direito a compor a Educação Básica na constituição de 1988 e na Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional de 1996. Na atual conjuntura política e educacional nos deparamos com retrocessos no âmbito da oferta pública, gratuita, laica, inclusiva e de qualidade social; das políticas de formação continuada e financiamento público para educação pública”. O que a doutora Rosa Batista (Bolsista PNPD do PPGE-Unisul) complementa: “estamos diante de uma política educacional vinculada ao mercado que interfere na BNCC e que desconsidera os avanços conquistados no que consiste a especificidade e função social da Educação Infantil”. Diante destas problemáticas que ambas, organizadoras do debate, e professores e demais profissionais envolvidos e comprometidos com a Educação Infantil pública e de qualidade buscam espaços de interlocução e diálogo para discutir nos municípios tanto a implementação da BNCC como o PNAIC para a Educação Infantil. De modo que a participação no Fórum de Educação Infantil tem sido esse espaço de discussão de políticas públicas, se constituindo também como um espaço de luta e resistência contra a privatização e precarização da educação pública.

O Seminário terá continuidade no próximo mês de junho com a data a ser definida na Reunião do Fórum Regional Sul da Educação Infantil que acontecerá no mês de maio, com data que será divulgada em breve.

[su_slider source=”media: 30664,30663,30662,30661,30660,30659″ limit=”100″ width=”700″ height=”460″ title=”no” centered=”no” arrows=”no” pages=”no” mousewheel=”no” speed=”100″]

COMPARTILHAR