SESC Mesa Brasil define vencedores de concurso de receitas

A Unisul recebeu parceiros do SESC para o festival de receitas Mesa Brasil. O evento ocorreu na quinta-feira, 25, na Cozinha-Laboratório da Unidade Pedra Branca. O objetivo do festival é que os participantes preparem receitas com um ingrediente surpresa. Na disputa de receitas salgadas, o vencedor foi Centro Comunitário da Ponte do Imaruim e de doces Creche Tia Mariazinha.

A coordenadora do curso de Nutrição e uma das juradas da mesa, Ana Paula Silva, considera de extrema importância a parceria da Unisul com o Mesa Brasil. “Porque além de ser um espaço para trazer a comunidade para dentro da universidade, oportuniza também a uma instituição que tem um trabalho social, que é o Mesa Brasil”, diz.

Para o coordenador do curso Gastronomia, que também foi jurado da mesa, Guilherme Buchmman, disse que foi muito bom participar desta edição, pois se percebe a preocupação das instituições e da Unisul em divulgar alimentos ricos em nutrientes que muitas vezes são menosprezados porque as pessoas não sabem o que fazer com eles. “Essa iniciativa do Mesa Brasil é muito interessante por isso, trabalhar alimentos que são pouco conhecidos aqui na nossa região ou até mesmo na população brasileira que nós produzimos em quantidade e que muitas vezes ficam esquecidos”, comenta.

A nutricionista do programa Mesa Brasil SESC, Carolina Carneiro Freire revelou para o jornal Unisul Hoje que o festival tem a intensão de prestigiar as instituições, pois eles trabalham muito para usar o que é doado. “A ideia é estimular a criatividade deles, dando alguns ingredientes e solicitando que eles, a partir daqueles ingredientes façam a preparação, usando esses alimentos”, explica.

O participante da instituição Casa de Nazaré, Jefferson Antunes Correia, afirmou que seu foco não é vencer, mas ganhar experiência. “Não é o primeiro lugar que importa. Todo mundo que está aqui já fez a sua parte, já é campeão”, avalia.

O Centro Comunitário da Ponte do Imaruim foi representado por Neuzita Castilho Matias, que achou tudo um máximo. “Coisa diferente, vendo pessoas diferentes, aprendendo algo diferente. A receita foi da Luciana, mas está sendo muito bom, excelente”, relata. Também do Centro Comunitário da Ponte do Imaruim, Luciana da Silva, achou tudo bem legal. “Como a primeira vez assim, eu estava bem nervosa, mas depois eu achei que foi uma coisa bem tranquila e uma coisa bem animada”, finaliza.

Colocações:

Salgados
3° lugar – Casa de Nazaré.
2° lugar – Casa de Apoio Liberdade.
1° lugar – Centro Comunitário da Ponte do Imaruim.

Doces
3° lugar – CERENE – Centro de Recuperação Nova Esperança.
2° lugar – Associação Beneficente São Dimas.
1° lugar – Creche Tia Mariazinha.

 

COMPARTILHAR