Unisul de Araranguá debate visão promissora da profissão contábil

Com o objetivo de integrar os alunos com a comunidade externa, nesta terça-feira, 10/4, a Unisul de Araranguá realizou uma mesa de debates com a Aula Magna alusiva ao profissional da contabilidade que o curso de Ciências Contábeis promoveu junto às entidades de classe: “Profissão contábil, uma visão promissora e motivadora’’. Na ocasião, diversos profissionais atuantes no mercado de trabalho trouxeram suas percepções sobre as possibilidades da profissão contábil aos estudantes do curso de Ciências Contábeis.

Participaram da Aula Magna representantes do Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas no Estado de Santa Catarina (SESCON/SC), Conselho Regional de Contabilidade do Estado de Santa Catarina (CRC/SC), Federação dos Contabilistas do Estado de Santa Catarina (FECONTESC) e Sindicato dos Contabilistas do Vale de Araranguá (SINDICONT).

O Projeto Pedagógico do curso de Ciência Contábeis propõe diversos ambientes de aprendizagem que proporcionem o Ensino, a Pesquisa e a Extensão, conforme aponta a coordenadora operacional da Unidade de Araranguá, Araceli Farias de Oliveira, de modo que “o evento tem como objetivo integrar os acadêmicos com a comunidade externa e as entidades de classe que regem a profissão, oportunizando que momentos assim desenvolva, no meio acadêmico, o profissional que será também um ente social, não apenas técnico”, reforça Araceli.

Além de estimular os estudantes para que prossigam até a conclusão do curso, motivando-os diante das potencialidades da profissão, o debate proporcionou o conhecimento em todas as áreas que o profissional pode atuar, estreitando laços com as entidades profissionais. “Ficamos muito felizes em poder participar, e nesta oportunidade transmitir o papel do sistema FECONTESC/SINDICONT que atua diretamente junto aos profissionais da contabilidade. Nosso objetivo maior é defender os interesses da categoria, promover a capacitação profissional e o desenvolvimento destes profissionais,” reforça o presidente da FECONTESC, Itelvino Schneider.

“Ao trazer as entidades contábeis para que os acadêmicos possam dirimir suas dúvidas, os alunos podem perceber essa aproximação das entidades com o curso. O que é de suma importância para o futuro profissional, fazendo com que ele entenda como está o mercado de trabalho para a profissão”, enfatiza o professor Édio Silveira, conselheiro do CRC/SC.

Unisul de Araranguá debate visão promissora da profissão contábil (11)
Unisul de Araranguá debate visão promissora da profissão contábil (10)
Unisul de Araranguá debate visão promissora da profissão contábil (9)
Unisul de Araranguá debate visão promissora da profissão contábil (8)
Unisul de Araranguá debate visão promissora da profissão contábil (7)
Unisul de Araranguá debate visão promissora da profissão contábil (6)
Unisul de Araranguá debate visão promissora da profissão contábil (5)
Unisul de Araranguá debate visão promissora da profissão contábil (4)
Unisul de Araranguá debate visão promissora da profissão contábil (3)
Unisul de Araranguá debate visão promissora da profissão contábil (2)
Unisul de Araranguá debate visão promissora da profissão contábil (1)

“Sempre vejo com muita felicidade este convite que é feito pela Unisul, principalmente quando é para apresentar aos futuros profissionais nossas experiências e anseios”, reforça o presidente do SINDICONT, Laênio Mota Oliveira.

A vice-presidente de Administração e Finanças do CRC/SC, Rubia Albers Magalhães, falou sobre o mercado de trabalho, perspectivas em relação ao salário e o que cada aluno pode esperar da profissão. “Explanei como eles podem ocupar seus espaços nesta fantástica profissão, com possibilidades de mercado tão maravilhosas”, frisa Rúbia. Mariane D’Ávila da Silva, acadêmica de Ciências Contábeis, destaca que tomou conhecimento das possibilidade da profissão no mercado de trabalho. “Muitas vezes, nós, enquanto estudantes não nos damos conta dessas inúmeras possibilidades, basta que estejamos preparados. Para isso, todos os debatedores reforçaram que é preciso que cada um de nós saia de sua zona de conforto, para buscar mais, ir além, até alcançar o que queremos”, aponta Mariane.

O debate levou em conta que o campo de atuação do profissional contábil se amplia a cada dia junto às empresas públicas, privadas ou do terceiro setor. O formado exerce diversas atividades, como: planejador tributário, analista financeiro, auditor interno, gerente de custos, contador gerencial e controller. Além de poder atuar como autônomo, consultor, e ainda no ensino e na pesquisa.

COMPARTILHAR