Gestão do Esporte é debatida na Pedra Branca

Três convidados debateram as novas tendências e a inovação no mercado esportivo do futebol na primeira atividade da Conferência Internacional de Gestão do Esporte. A mesa redonda foi mediada pelo professor Michel Mattar, da Fundação Instituto de Administração. O evento que ocorre simultaneamente com a sétima edição do Congresso Brasileiro de Gestão do Esporte, ocorre até a sexta-feira, 28, na Unisul Pedra Branca. Além do reitor da Unisul, professor Sebastião Salésio Herdt, e do diretor do Campus Grande Florianópolis, Hercules de Araújo, o técnico campeão olímpico com o futebol brasileiro Rogério Micale acompanhou a abertura do evento.

Para o primeiro debate foram convidados o presidente do Atlético Clube de Tubarão, Luiz H. Ribeiro, o diretor de futebol de base do Cruzeiro, Klauss Câmara e o executivo de futebol do Grêmio, Júnior Chávare. O Clube Atlético de Tubarão incubou seu projeto no Uniparque da Unisul e seu presidente afirma ser o primeiro clube startup do Brasil. “Os desafios do clube, uma vez que é o primeiro clube incubado dentro de uma Universidade, são grandes. Esse projeto é diferente e inovador porque nasceu de uma sinergia de ideias, de negócios, junto com a Universidade e por isso a importância também de poder mostrar isso para os acadêmicos e para quem está acompanhando o Congresso”, disse Luiz H. Ribeiro.

Graduado no curso de Educação Física da Unisul, o diretor de futebol de base do Cruzeiro, Klauss Câmara, abordou em sua intervenção a gestão técnica e as novas tendências aos empecilhos práticos impostos pela legislação. “A importância e a riqueza deste evento são muito grandes. É uma capacitação. Será um marco na carreira dos alunos estarem ouvindo os profissionais que tem atuado na prática, em tudo que envolve a questão da gestão do esporte e do futebol como um todo, principalmente na formação dos atletas”, ponderou.

O representante do Grêmio, Júnior Chávare, tratou da formação do ser humano como fator de inovação dentro do processo geral do esporte. “Então procurei dar uma abordagem no sentido de que mais do que tecnologia ou qualquer coisa com esse caráter, a formação do indivíduo sempre é superior e sempre será uma questão importantíssima para que os resultados possam ser atingidos”, disse.

O coordenador da especialização em Gestão do Esporte da Unisul, professor Rafael Andreis, a coordenadora da graduação em Educação Física, Maria Letícia Knorr, e o fundador do curso, Kiyoshi Otuki, são os responsáveis pelos eventos simultâneos. “Nosso evento começou bem, com muitas pessoas para uma tarde de quinta-feira e lotado na abertura oficial à noite. Os palestrantes estão muito animados e empolgados. Já recebemos alguns feedbacks positivos”, comentou.

Solenidade de Abertura
O reitor da Unisul destacou a iniciativa da Unisul em lançar no ano passado a primeira edição da Conferência Internacional de Gestão do Esporte, que em 2016 trouxe consigo a sétima edição do Congresso Brasileiro de Gestão do Esporte. “O nosso curso de graduação já nasceu inovador, com foco na gestão. Aliado à ambiência universidade proporcionada pelo bairro Pedra Branca, que hoje é a Cidade Criativa, é algo que transcende a regionalidade. O evento internacional traz personalidades e conhecimento para que nossos estudantes possam utilizar a internacionalização como elo de leitura do mundo globalizado”, parabeniza o professor Salésio Herdt.

O técnico de futebol da equipe olímpica brasileira nos Jogos do Rio, Rogério Micale, foi aluno do curso de Educação Física da Unsiul. Ele disse ter ficado impressionado e feliz com o avanço da Universidade. “Isso é muito importante para o nosso ensino, para aquilo que a gente quer fazer no esporte. Nessa sexta-feira eu vou falar sobre a metodologia de treino brasileira. Não da minha metodologia, mas do que eu acredito para o futebol brasileiro”, adiantou.

O diretor do Campus Grande Florianópolis, professor Hércules de Araújo, foi o grande incentivador das atividades esportivas realizadas nos ambientes de aprendizagem da Unisul ao longo das suas duas gestões. “Você percebe que todo o mês temos mais de um grande evento esportivo na Pedra Branca. Natação, judô, saltos ornamentais como temos neste fim de semana, Olimpíadas de colégios da região, basquete ou esporte adaptado. Então temos uma graduação e uma pós voltados para a gestão e toda uma estrutura que permite aos nosso alunos colocarem em prática seus conhecimentos”, complementou o diretor.

Confira a programação dos eventos.

Reportagem: Wellinton Heinz, Gabriela Ferrarez e Ysttéphani Sinhorini
Edição: Alex Bondan

 

COMPARTILHAR