PPGA debate estratégias para ampliação da utilização do Canal do Panamá

O professor do Programa de Pós-Graduação em Administração (PPGA), Ademar Dutra, realizou uma visita técnica ao Canal do Panamá, representando o curso, com o objetivo de discutir o uso do Canal do Panamá pelos portos sediados no Arco Norte do Brasil, em especial Portos de Itaqui e de Pecém. A reunião contou com a presença da Embaixadora do Brasil do Panamá, Dra. Glivãnia Maria de Oliveira.

Segundo a Embaixadora, a alegação dos dirigentes do Canal e do Governo Panamenho é de que os custos logísticos internos no Brasil são muito elevados e, com isso dificultam o uso do Canal principalmente para o escoamento de grãos para o mercado chinês. Os presentes alegam que, nos últimos anos os custos logísticos para o escoamento de commodities brasileiras vem reduzindo, sendo adequado que os dirigentes do Canal do Panamá adotem uma visão estratégica a longo prazo, possibilitando a redução de tarifas pelo uso do Canal.

De acordo com o professor Ademar Dutra, discutiu-se estratégias para sensibilizar os dirigentes do Canal do Panamá e do Governo Panamenho, visando a ampliação da utilização do Canal.  Na VII edição do CIDESPORT – Congresso Internacional de Desempenho Portuário promovido pela PPGA da Unisul, em parceria com UFSC e a Universidade de Valência – Espanha, será realizado um painel com a presença da Embaixadora e dos principais atores portuários, interessados no tema. A VII edição do CIDESPORT será realizada no período de 21 a 23 de outubro de 2020, em Florianópolis.

O Programa de Pós-Graduação em Administração – PPGA, por meio do CIDESPORT – Congresso Internacional de Desempenho Portuário está promovendo o Curso Internacional de Logística e Visita Técnica ao Canal do Panamá no período de 2 a 4 de março do corrente ano. Participam do curso 12 dirigentes de portos Brasileiros e, também gestores da ANTAQ – Agência Nacional de Transportes Aquaviários. De acordo com o professor Ademar Dutra, Coordenador do Congresso e do Curso, trata-se de uma oportunidade de conhecer um dos principais instrumentos da logística internacional, além da obtenção de subsídios para a melhoria das práticas de gestão dos portos brasileiros. O Canal do Panamá representa aproximadamente 20% do PIB de Panamá.

COMPARTILHAR