Unisul é finalista do ‘Prêmio ODS Santa Catarina 2020’

A Unisul está concorrendo ao Prêmio ODS Santa Catarina 2020’, com o projeto “Meninas nas Ciências”. O resultado será divulgado nesta quinta-feira, 12 de novembro, às 16 horas, em solenidade on line, que será transmitida pelo canal You Tube: www.youtube.com/watch?v=Ny0DkTesFF8

Ao todo foram 110 projetos inscritos, sendo 77 deles classificados para a segunda etapa, que está dividida em duas ações: análise dos cases pela comissão avaliadora; resposta ao questionário de práticas de gestão (Pessoa Jurídica). O prazo para responder ao questionário foi até o dia 30 de setembro. Os três finalistas de cada categoria foram divulgados no dia 28 de outubro. E a Unisul estava entre os finalistas.

O objetivo do prêmio é reconhecer e divulgar iniciativas para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável realizadas por signatários do Movimento Nacional ODS Santa Catarina. As categorias são: Empresa; Instituição de Ensino; Organização de Classe; Organização da Sociedade Civil; Poder Público; e Pessoa Física. A Unisul ficou entre os três finalistas na categoria: Instituição de Ensino.

O projeto finalista “Meninas nas Ciências” é coordenado pela professora Anelise Leal Vieira Cubas, e conta com uma equipe de professoras: Ana Regina de Aguiar Dutra, Elisa Helena Siegel Moecke, Ivete de Fatima Rossato, Adriana Canto, Marina Medeiros Machado e Simone Keller.

“Ficamos muito felizes por estarmos entre os 3 finalistas. Amanhã será divulgado o vencedor em cada categoria. Os outros dois receberão a honra ao mérito. Já nos consideramos vencedores por chegarmos até aqui . O projeto Meninas nas Ciências é um projeto muito lindo, pois trabalha o empoderameto feminino e está totalmente sintonizado com o ODS 5, que prevê alcançar a igualdade de gênero e o empoderar todas as mulheres e meninas”, enfatiza a professora Anelise.

Meninas nas Ciências

A proposta do Projeto Meninas na Ciência é mostrar que todos tem espaço nesse mundo da pesquisa. E ao receber estudantes das escolas públicas, para estimulá-las através de oficinas a ingressarem em cursos de engenharia, computação ou sistemas de informação e terem a real noção das possibilidades de um futuro profissional na área tecnológica.

O campo da ciência e da pesquisa está representado por 30% de mulheres, que cada vez mais engajadas, querem diminuir essa desigualdade como é o caso do projeto Meninas nas Ciências da Unisul que leva os conhecimentos da área tecnológica aplicado ao universo feminino para estudantes do ensino médio de escolas públicas da Grande Florianópolis.

O Movimento Nacional ODS Santa Catarina

É um movimento formado por voluntários, de caráter apartidário, ecumênico e plural, tem como missão: facilitar a incorporação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) no dia a dia das pessoas e na prática das organizações de Santa Catarina. Saiba mais sobre o Movimento ODS.

A atuação da Unisul

A universidade possui diversos projetos que seguem os ODS. A intenção é de integrar, alinhar e fortalecer iniciativas atuais, bem como cocriar outras com a comunidade interna e externa voltadas ao desenvolvimento sustentável.

“A Unisul, desde sua origem, sempre esteve comprometida com o desenvolvimento das comunidades onde está inserida, por meio da geração de conhecimentos, ciência e tecnologia, porém, com o viés sustentável e inovador. Alguns exemplos concretos são reconhecidos externamente e contribuem significativamente para a implementação dos 17 ODS, o que nos orgulha muito”, elencou Fabrício Attanásio, Head de Desenvolvimento e Inovação na Unisul e Coordenador do Comitê dos ODS de Tubarão e região da Amurel.

COMPARTILHAR